Com festa da torcida, Fla empata com o Orlando City e se despede dos EUA


A torcida do Flamengo esgotou todos os ingressos destinados a ela na partida. Vários rubro-negros se reuniram do lado de fora do estádio e tentaram levar o clima de Maracanã à casa do Orlando City

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS)

Orlando City e Flamengo ficaram empatados em 1 a 1 no amistoso deste sábado (27), pela pré-temporada nos Estados Unidos. Pedro marcou para o time brasileiro, enquanto Angulo garantiu para os norte-americanos no Inter&Co Stadium.

O Fla agora volta ao Brasil. A equipe tem folga neste domingo, treina na segunda-feira e embarca na terça para Belém, onde joga pelo Campeonato Carioca. Na quarta-feira, o time de Tite enfrenta o Sampaio Corrêa.

Presença de John Textor. O dono de 90% da SAF do Botafogo acompanhou o jogo do Flamengo ao lado do presidente Rodolfo Landim. Os dois se reuniram a convite do mandatário rubro-negro e conversaram, entre outros, sobre Matheuzinho, que interessa o Alvinegro.

Fla em casa. A torcida do Flamengo esgotou todos os ingressos destinados a ela na partida. Vários rubro-negros se reuniram do lado de fora do estádio e tentaram levar o clima de Maracanã à casa do Orlando City. 22.678 pessoas estavam presentes em maioria pelo lado brasileiro.

Tite foi com força máxima no começo do jogo. Diferentemente do primeiro amistoso, ele usou os principais atletas no time titular, promovendo a entrada de De La Cruz na vaga de Luiz Araújo. No segundo tempo, porém, vez várias mudanças (mas com os atletas badalados, como Gabigol, David Luiz, entre outros).

Foi o primeiro jogo do Orlando na temporada. A equipe manteve a base que terminou o ano passado e caiu na semifinal de conferência da MLS.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Marta e Rafaelle estavam no estádio. As duas jogadoras da seleção brasileira feminina jogam pelo Orlando Pride e acompanharam a partida.

Como foi o jogo

Foi um primeiro tempo agitado, mas de menos espaços para o Flamengo. O Orlando City foi para cima, fazendo valer o jogo mais duro que o Fla já estava prevendo. Entretanto, o time brasileiro contou com Pedro para abrir o placar e até teve outras chances sem sucesso. A equipe da casa levou bastante perigo ao longo do primeiro tempo e na reta final empatou com Angulo.

Um momento de apreensão ficou por conta de De La Cruz. O uruguaio levou uma entrada dura de Cartagena aos 27 minutos do primeiro tempo e ficou um bom tempo caído no chão. Quando voltou ao campo, mancou no primeiro momento, mas terminou os 45 minutos iniciais. No intervalo, saiu e já estava dando normalmente. Pedro também saiu ao mesmo tempo e fez gelo no tornozelo no banco.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os times mudaram bastante no segundo tempo. Tite promoveu a entrada de nomes como Gabigol, David Luiz, Allan, Wesley, Luiz Araújo e Bruno Henrique, que foi ovacionado. Todos ainda buscam recuperar espaço. Victor Hugo também entrou, mas logo se machucou e durou poucos minutos dando lugar a Matheus Gonçalves. Já o Orlando alterou praticamente o time inteiro, até o goleiro Gallese.

Com a bola rolando, o Flamengo seguiu com dificuldades. O segundo tempo teve queda de qualidade depois das mudanças. O baixo entrosamento pesou, mas os dois treinadores puderam fazer observação individual dos atletas. Houve poucos lances de real perigo em comparação ao primeiro tempo.

Lances importantes

Uh! Aos três minutos, o Orlando chegou. Lodeiro esticou para Thórhallson, que cruzou para Mc Guire. Mas o chute saiu para a esquerda de Rossi.
Perto. Aos sete, Lodeiro bateu bonito e a bola bateu no travessão do goleiro do Flamengo.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

0x1. Aos 12 minutos, De la Cruz iniciou a jogada e inverteu para Varela. O lateral cruzou e Pedro completou para o gol.

Pegou. Aos 17, Rafael Santos cruzou e Schlegel desviou. Rossi, porém, fez boa defesa.
Bomba. Aos 27 minutos, De la Cruz arriscou de fora da área e a bola saiu à esquerda de Gallese.
1×1. Aos 40, o Orlando fez uma bela troca de passes, Angulo tabelou com Lodeiro e bateu sem chances para Rossi. Fabrício Bruno errou no bote.
Defendeu. Nos primeiros segundos, Luiz Araújo recebeu na ponta e chutou para a defesa de Gallese em dois tempos.

Susto. Aos cinco, Angulo chutou de fora da área e Rossi bateu roupa na hora de defender.
Tirou. Aos 23, Lynn esticou em Ramiro Enrique, mas Fabrício Bruno cortou na medida.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De novo. Aos 36, Fabrício Bruno salvou de novo ao cortar tentativa de Mohamed.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para cima. Aos 45, Luis Aucélio chutou em cima da defesa e Luiz Araújo tentou aproveitar a sobra, mas isolou.

FICHA TÉCNICA

ORLANDO CITY x FLAMENGO

Data e hora: 27 de janeiro de 2024, às 16h (de Brasília)
Local: Inter&Co Stadium, Orlando (EUA)
Árbitro: Jonathan Bilinski (EUA)
Assistentes: Kevin Huet (EUA) e Kendall McCardell (EUA)
Cartões amarelos: Cartagena, Schlegel, Williams (ORL), Varela, Bruno Henrique (FLA)
Cartões vermelhos: –
Gols: Pedro (aos 12 minutos do primeiro tempo), Angulo (aos 40 minutos do primeiro tempo)

Orlando City: Gallese (Stajduhar); Thórhallsson (Taifi), Jansson (Williams), Schlegel e Rafael Santos (Smith); Cartagena (Shak Mohammed), Kocevski (Felipe Martins) e Lodeiro (Ramiro Enrique); Facundo Torres (Holliday), Angulo (Rivera) e McGuire (Lynn). Técnico: Óscar Pareja.

Flamengo: Rossi, Varela (Luis Aucélio), Fabrício Bruno, Léo Pereira (David Luiz) e Ayrton Lucas (Wesley); Erick Pulgar (Allan), Gerson (Cleiton), De la Cruz (Luiz Araújo) e Arrascaeta (Victor Hugo (Matheus Gonçalves); Everton Cebolinha (Bruno Henrique) e Pedro (Gabigol). Técnico: Tite.



Source link

Leave a Comment