Em crise, Corinthians confirma lesão de Diego Palácios e inicia preparação para o clássico


O próximo desafio do Corinthians está marcado para terça-feira, às 19h30 (horário de Brasília), na Neo Química Arena, no dérbi com o São Paulo

O Corinthians enfrenta um início de temporada turbulento, deixando a torcida apreensiva após três jogos disputados no Paulistão, com uma única vitória e duas derrotas seguidas, para Ituano e São Bernardo, respectivamente. A pressão sobre a equipe alvinegra atingiu um ponto crítico, com a figura do técnico Mano Menezes no epicentro das recentes polêmicas.

Mano, conhecido por seu estilo direto, não poupou críticas aos seus próprios jogadores em declarações recentes, utilizando palavras fortes e gerando um clima tenso nos bastidores do clube Suas palavras acirraram ainda mais as discussões sobre a atual situação do time do Parque São Jorge, com torcedores questionando a continuidade do treinador e o início da gestão de Augusto Melo.

O próximo desafio do Corinthians está marcado para terça-feira, às 19h30 (horário de Brasília), na Neo Química Arena, no dérbi com o São Paulo. Este confronto ganha ainda mais importância diante da sequência negativa de resultados, aumentando a pressão sobre os ombros dos jogadores e da comissão técnica.

Neste domingo, a equipe se reapresentou no CT Joaquim Grava em preparação para o clássico. Os jogadores foram divididos em dois grupos, com aqueles que atuaram por mais de 45 minutos participando de um treino regenerativo. Os demais realizaram atividades específicas na academia, seguidas por aquecimento e trabalho de posse de bola.

Uma notícia desfavorável surgiu durante o treino, com Diego Palácios passando por avaliação médica. Exames revelaram uma lesão no músculo posterior da coxa direita do zagueiro equatoriano. Ele já iniciou tratamento sob a supervisão do departamento médico. O clube não divulgou um prazo específico para a recuperação do atleta.

Com a pressão crescente e desafios pela frente, o Corinthians busca reverter o cenário desfavorável e encontrar a estabilidade necessária para enfrentar o São Paulo, na esperança de conquistar uma vitória crucial para reacender a esperança e a confiança de seus torcedores. O desempenho no próximo jogo certamente terá implicações significativas no caminho do clube nesta temporada desafiadora. Vale destacar que o São Paulo nunca derrotou o Corinthians em Itaquera.

Estadão conteúdo


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Source link

Leave a Comment