Ferrari Purosangue | O novo carrão da coleção de Cristiano Ronaldo


Cristiano Ronaldo é um apaixonado por carros de luxo. O craque português, que hoje joga no Al-Nassr, da Arábia Saudita, deu mais uma prova disso ao acrescentar à sua já recheada e valiosa garagem uma Ferrari Purosangue 0 km.

Avaliada em aproximadamente R$ 7,5 milhões no Brasil, a Purosangue se junta a modelos mais “simples”, como o Chevrolet Camaro, que custa em torno de R$ 210 mil, e o Range Rover Velar, que pode ser encontrado por cerca de R$ 640 mil em nosso mercado.

O crossover da marca do Cavalinho Rampante, porém, terá que dividir os holofotes e a atenção do português com ícones da indústria automotiva, como o exclusivíssimo Bugatti Centudieci, de mais de R$ 40 milhões, o Chiron, que recentemente teve a última unidade produzida vendida por R$ 13 milhões, e a “irmã” Ferrari F12, que não sai por menos de R$ 2,1 milhões atualmente.

Continua após a publicidade

Como é a Ferrari Purosangue de Cristiano Ronaldo?

A Ferrari Purusangue que Cristiano Ronaldo levou para casa é um verdadeiro fenômeno de vendas, e chegou a obrigar a marca italiana a interromper os pedidos após a fila alcançar quase dois anos de espera, antes mesmo de seu lançamento oficial.

Continua após a publicidade

A reportagem do Canaltech teve a oportunidade de ver de perto um dos dois modelos do primeiro SUV da história da Ferrari a ser mandado para o Brasil. E comprovou que a marca acertou em cheio ao ousar para colocar no mercado um modelo que, a princípio, não agradaria aos fãs mais puristas da lendária fabricante.

O conjunto mecânico da Ferrari Purosangue, como não poderia deixar de ser, é impressionante. O novo superesportivo de Cristiano Ronaldo tem sob o capô um motor 6.5 V12 naturalmente aspirado, que rende 725 cv e 73 kgf/m de torque, potência suficiente para fazer o bólido de 2.033 kg acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 3,3 segundos, além de alcançar máximas de até 310 km/h.

A Purosangue tem no design diferenciado, que une elementos de SUV, hatch e coupé, uma de suas grandes atrações, e o visual, apesar das dimensões imponentes do modelo (4,97 m de comprimento x 2,02 m de largura x 1,58 m de altura x 3,01 m de entre-eixos), é extremamente harmonioso.

Continua após a publicidade

O único ponto negativo da nova Ferrari de Cristiano Ronaldo, se é que podemos rotulá-lo assim, diz respeito ao consumo. Segundo os números oficiais, a Purosangue roda, em média, 4,2 km/l na cidade e 5,2 km/l na estrada. Não dá para negar que o superesportivo é gastão, mas quem tem mais de R$ 100 milhões parados na garagem certamente não está preocupado com o preço da gasolina, não é mesmo?



Source link

Leave a Comment