O que é ser low profile?


Você certamente conhece alguma pessoa que mal dá as caras nas redes sociais e só é possível descobrir o que ela anda “aprontando da vida” quando visualiza um story enigmático ou bate um papo pessoalmente com ela. Isso é o que é ser low profile, e o Canaltech explica tudo sobre esse tipo de conduta.

O que significa ser low profile

De acordo com o Cambridge Dictionary, “low profile” significa “discreto” e é associado ao comportamento de pessoas dentro das redes sociais, com ênfase no Instagram. Um low profile procura manter certo nível de sigilo quanto à exposição da sua vida pessoal na internet.

Esse grau de participação online pode variar. Por exemplo, um low profile pode publicar coisa ou outra no Instagram, como um story mostrando detalhes arquitetônicos de um prédio ou um pôr do sol bonito — em outras palavras, um conteúdo subjetivo e pouco revelador.


Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.

Mas há também o perfil de usuário que prefere a total desconexão das redes sociais, ficando offline por longos períodos ou sequer tendo contas nas plataformas mais badaladas. Esse low profile “hardcore” também pode ser somente um consumidor de conteúdo: até interage com publicações na linha do tempo e nos stories, mas compartilha pouca coisa relacionada à sua vida pessoal.

Um low profile tem participação mínima nas redes sociais, preferindo mais discrição e privacidade (Imagem: Omar Prestwich/Unsplash)

A prática é bem vista por muita gente, que alega ter mais saúde mental por evitar coisas como notícias ruins, ansiedade, comparações com a “grama mais verde” do amigo e menos perseguição por não estar se exibindo o tempo todo. Mas há quem rejeite o padrão de comportamento, alegando dificuldade em “stalkear” o que o low profile está fazendo devido à sua baixa participação nas redes sociais.

É importante enfatizar que um low profile não é necessariamente uma pessoa tímida ou retraída. Em alguns casos, pode ser que esses traços de personalidade de fato a tornem menos frequentes nas redes sociais, no entanto, é possível apenas que o usuário opte por manter privacidade em relação às suas particularidades.

6 aspectos de uma pessoa low profile

Não é preciso ser um perito em redes sociais para saber se uma pessoa é low profile, pois existem alguns aspectos que “deduram” esse tipo de usuário. Confira abaixo como descobrir se algum conhecido seu se encaixa nessa definição:

1. Não compartilha muitas publicações

Uma pessoa low profile não costuma compartilhar muitas fotos no Instagram, Facebook, X e demais plataformas. Ela pode publicar conteúdo de forma pontual, sobretudo em ocasiões especiais, como uma viagem para o exterior ou o casamento de um amigo. O mesmo vale para imagens e vídeos nos stories.

2. Perfil trancado e filtro de amigos

Para atrair menos holofotes e curiosos indesejados, o low profile pode ter perfil trancado e usar com frequência funções equivalentes ao Close Friends do Instagram, que permite compartilhar publicações somente para um seleto grupo de amigos. Dessa forma, a pessoa consegue fazer seus posts sem se expor demais ou desnecessariamente.

3. Posta de tudo, menos coisas de si mesma

Como citado anteriormente, o usuário de redes sociais low profile não é muito narcisista e prefere compartilhar conteúdos sobre “tudo”, menos sobre si mesmo.

Por exemplo, em vez de postar fotos em frente ao espelho, o low profile prefere focar em registros de pratos, pets, paisagens e categorias do gênero, além de repostar conteúdo de outros perfis, como memes e trechos músicas.

4. Responde mensagens com certa demora

Uma vez que esse tipo de pessoa não é suscetível a visualização ininterrupta de notificações, atualizações e outras “iscas de atenção” do celular, o low profile pode demorar para responder mensagens.

Nesse sentido, é possível que a pessoa prefira focar em atividades consideradas mais prioritárias e deixar para responder mensagens em um momento oportuno para isso.

5. Não se envolve em discussões ou polêmicas

Essa característica é uma das mais básicas, mas é bom destacar que alguém que se encaixa na definição de low profile prefere manter distância de “bate-bocas” em seções de comentários ou em grupo de amigos no WhatsApp.

Essa pessoa geralmente se limita a assistir ao barraco online (ou nem mesmo isso) e não se expor nos embates, principalmente se a confusão não a envolver particularmente.

6. Perfis somente em redes sociais “básicas”

O low profile prefere ter conta somente em redes sociais consideradas “essenciais”, como o WhatsApp para conversar com os amigos e o Instagram para saber o que as pessoas estão fazendo, mas pouco se interessa, por exemplo, em comentar sobre assuntos do momento no X (antigo Twitter) ou gravar dancinhas para o TikTok.

Se você deseja se tornar um usuário mais low profile nas redes sociais, o primeiro passo pode ser ficar invisível no Instagram e fazer tudo anonimamente — além de adotar as práticas explicadas nos tópicos anteriores, claro.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:





Source link

Leave a Comment