Para Gerson Camarotti, Lula deve tem que pedir desculpas ao Bolsonaro sobre os móveis sumidos


Gente, hoje no meu cházinho da tarde só se falava dos móveis encontrados da primeira-dama Janja. Pois, a Presidência da República finalmente encontrou todos os 261 bens do patrimônio Palácio da Alvorada que tinham desaparecido e que foram o principal motivo da troca de farpas entre os casais presidenciais Lula da Silva e Bolsonaro.

Essa disputa teve início durante a transição de governo, no início do ano passado. Lula (PT) e a primeira-dama Janja reclamaram das condições atuais da residência oficial e afirmaram que alguns móveis do patrimônio estavam faltando, quando Jair Bolsonaro (PL) e sua mulher Michelle Bolsonaro se mudaram do local.

No portal do Folha de SP, essa ausência dos móveis também havia sido um dos motivos alegados pelo novo governo para o gasto de R$ 196,7 mil em móveis de luxo. Depois da publicação da reportagem nesta quarta (20), o ex-presidente Bolsonaro disse em seu perfil do X (antigo Twitter): “Todos os móveis estavam no Alvorada. Lula incorreu em falsa comunicação de furto”.

Durante a transmissão do Globo News, o repórter Gerson Camarotti deixou claro que o presidente Lula precisa pedir desculpa ao Bolsonaro, porque a acusação que ele fez foi gravíssima.



Source link

Leave a Comment