Caciques do PT saem em defesa de Nísia para blindar Saúde


Petistas dizem que críticas anônimas à gestão de Nísia Trindade no ministério são “apetite insaciável” pelos recursos da área

Políticos e a cúpula do PT (Partido dos Trabalhadores) saíram em defesa da ministra da Saúde, Nísia Trindade, em suas redes sociais nos últimos dias. O grupo diz que críticas “anônimas” surgem contra a gestão para enfraquecê-la e abrir espaço para outros setores obterem o controle de um dos maiores Orçamentos da Esplanada.

No sábado (13.jan.2024), a presidente do PT, deputada federal Gleisi Hoffman (PT-PR) disse que Nísia é alvo de “intrigas e notícias falsas” plantadas por “grupos políticos ávidos por abocanhar o Ministério da Saúde”.

A ministra da Saúde tem sido criticada por integrantes da oposição ao governo desde que o Poder360 revelou, em 10 de janeiro, que o filho dela, Márcio Lima Sampaio, virou secretário na Prefeitura de Cabo Frio (RJ) 1 mês depois de o ministério enviar R$ 55 milhões ao município.

Nísia Trindade também é alvo de críticas de congressistas por editar uma portaria em dezembro de 2023 que, na prática, dificultou a indicação de recursos remanescentes das emendas de relator a Estados e a Municípios. Eis a íntegra (PDF – 717 kB).

“Ela [Nísia] tornou mais ágil a transferência de verbas para Estados e municípios, que aumentaram em quase R$ 5 bilhões no final do ano […] A ministra já mostrou sua competência e seu compromisso com nosso projeto de país”, disse Gleisi eu seu perfil no X (ex-Twitter).

No dia seguinte, em 14 de janeiro, o senador e ex-ministro da Saúde Humberto Costa (PT-PE) também saiu em defesa da atual ministra. Segundo ele, há um “apetite insaciável” de alguns setores políticos e o alvo da vez seria o ministério comandado por Nísia.

“O Ministério da Saúde, uma vez mais, é alvo do apetite insaciável de alguns setores, que vem sempre travestido de “críticas à gestão”. Agora, o ataque é a critérios mais técnicos e participativos, que estariam atrasando a liberação de verbas… conhecemos esse tipo de expediente. A ministra Nísia Trindade conta com o irrestrito apoio do PT para conduzir o Ministério da Saúde”, declarou no X.

O prefeito de Araraquara, Edinho Silva (PT), também saiu em defesa da ministra. Em sua conta no X, ele disse que a ministra tem feito um trabalho “fantástico” à frente da Saúde: “Os programas foram reorganizados, e os municípios têm sido tratados como protagonistas na construção do SUS [Sistema Único de Saúde], escreveu.

Líderes em campo

O líder do PT na Câmara dos Deputados, Zeca Dirceu (PT-PR), também usou a rede social para prestar solidariedade à Nísia Trindade. Assim como outros congressistas também, como a deputada Camila Jara (PT-MS). Ela disse que a Saúde foi um dos maiores acertos do governo até agora.

Já o Líder do Governo no Congresso, Randolfe Rodrigues (sem partido-AP) foi na mesma linha. Ele citou críticas “anônimas e covarde” à gestão de Nísia. Disse que a ministra resposta aos questionamentos com “resultados e entregas”.





Source link

Leave a Comment